Marcas das Paixões

...sentimentos e versos dos cantos da alma...

Textos


A sinfonia dos Sapos...
 
 
Noite a dentro... Madrugada...
Depois de chover muitos dias
Surge, desde que anoitece,
Interessante cantoria....
 
São os sapos nas sarjetas,
Com os das poças também,
Que fazem forte toada,
Onde som semelhante, não tem!
 
No interior é assim
Quando chove, já sabemos...
Com a orquestra dos sapinhos,
Dormir nós não podemos...


 Não adianta se esconder,
Eles cantam muito alto.
Fazem sua concorrência

Querendo sempre aparecer...
 
São vários sons que se encontram
em meio à escuridão!
Envolvem a noite toda
em seu canto de gratidão!

É a forma de,
à Natureza, agradecer...

Pelo alimento que vem,
E pela água também...

É seu canto de gratidão

Em meio à escuridão!
 
LúciaLms
( 02/09/2018)
 
 
LuciaLms
Enviado por LuciaLms em 23/02/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras